Especialistas explicam como agendar o seguro desemprego

Para evitar filas e confusões nos atendimentos presenciais, o Governo Federal desenvolveu um sistema onde é possível agendar seguro desemprego através da internet, facilitando a vida de milhares de brasileiros. Esse processo é muito simples e pode realizado em poucos minutos, acompanhe e explicaremos tudo logo a seguir.

O benefício do seguro desemprego pode ser solicitado pelos trabalhadores com registro em CTPS (Carteira de Trabalho e Previdência Social) que tenham sido demitidos de seu último emprego sem justa causa. Para entender melhor como o seguro desemprego funciona, quem tem direito ao recebimento das parcelas e como é possível agendá-lo pela internet, fique com a gente neste artigo.

Agendar o benefício

O agendamento seguro desemprego deve ser sempre realizado unicamente pela internet, através de um endereço eletrônico fornecido gratuitamente pelo Ministério do Emprego e Trabalho, esse processo será explicado detalhadamente no tópico a seguir.

  • A documentação necessária para levar no dia agendado é:
  • Formulários do seguro desemprego gerados pela internet;
  • Carteira de trabalho;
  • CPF;
  • Documento de identificação;
  • Termo de rescisão do trabalho.

Sem sombra de dúvidas, a principal vantagem em agendar o dia de atendimento para procedimentos de seguro desemprego pela internet diz respeito à facilidade. Dentro de alguns instantes, você já estará com tudo agendado para o dia e horário de sua preferência. Por outro lado, o seguro desemprego agendado pela internet também facilita o andamento do seu processo como um todo, fazendo com que comece a receber o benefício o quanto antes.

Como Agendar o auxílio

Caso deseje facilitar o atendimento, agendar seguro desemprego 2020 através da internet é a melhor opção, pois é possível evitar diversos transtornos que ocorrem no atendimento presencial. Vale ressaltar que com o agendamento o beneficiário ganha bastante tempo, como consequência não irá perder os prazos para receber o benefício.

O Governo Federal está evoluindo e modernizando seus sistemas de serviços online, buscando praticidade e agilidade na execução dos mesmos, em função disso o agendamento seguro desemprego está sendo realizado pela internet, outro processo que é realizado online é o Empregador Web.

Confira a seguir como agendar seguro desemprego:

  • Acesse o site saaweb.mte.gov.br;
  • Selecione seu Estado, Município e o Tipo de Atendimento;
  • Digite o código de segurança;
  • Clique em “Prosseguir”;
  • Na próxima página você irá escolher a data e o horário do atendimento;
  • Para confirmar digite o código de segurança e clique em “Agendar”.

Lembre-se de guardar a data e o horário para não ocorrer nenhum equívoco já que o agendamento seguro desemprego 2020 é uma alternativa que pode ser acessada em qualquer dispositivo com internet na hora que você desejar. Não deixe de realizar o procedimento, caso contrário não será possível receber o seguro desemprego.

A seguir deixaremos mais informações sobre o seguro desemprego para que você fique ciente sobre o assunto e tire todas as suas dúvidas sobre o benefício. Confira abaixo!

No dia 30 de dezembro de 2014 alguns requisitos foram alterados para a obtenção do benefício do seguro desemprego pelos trabalhadores brasileiros. A decisão teve como principal objetivo auxiliar o governo brasileiro na economia e equilíbrio de contas, com prazos um pouco mais delimitados para garantir o acesso ao benefício pelo trabalhador demitido.

Sendo assim, atualmente o seguro desemprego está funcionando de modo que o trabalhador, para receber o benefício, precisa ter recebido (comprovadamente em folha de pagamento de pessoa jurídica) salários de:

Pelo menos 10 salários mensais nos últimos dois anos (ou seja, 24 meses). Esse período deve ser imediatamente anterior à dispensa no serviço e é válido só para funcionários que estão realizando a sua primeira solicitação no seguro desemprego;

Pelo menos 12 salários mensais nos últimos 16 meses, que também devem ser imediatamente anteriores à dispensa, para os trabalhadores que estão realizando a sua segunda solicitação no seguro desemprego;

Recebimento de um salário a cada seis meses (que devem ser anteriores à data da dispensa no serviço) no caso de demais solicitações (a partir da 3ª vez).

Quem tem direito de receber o seguro desemprego?

De modo geral, todo trabalhador que tenha registro na carteira e tenha sido demitido sem a condição de justa causa tem direito a receber o seguro desemprego. Porém, o valor recebido irá depender de qual solicitação do benefício, confira a seguir em qual você se enquadra:

1ª Ocasião:

  • O trabalhador receberá quatro parcelas fixas caso comprovado o vínculo empregatício de no mínimo 18 e no máximo 23 meses;
  • O trabalhador receberá cinco parcelas fixas caso comprovado o vínculo empregatício de no mínimo dois anos (ou seja, 24 meses).

2ª Ocasião:

  • O trabalhador receberá 4 parcelas fixas caso comprovado o vínculo empregatício de no mínimo 12 e no máximo 23 meses;
  • O trabalhador receberá 5 parcelas fixas caso comprovado o vínculo empregatício de no mínimo dois anos, ou seja, 24 meses.

3ª Ocasião:

  • O trabalhador receberá 3 parcelas fixas caso comprovado o vínculo empregatício de no mínimo 6 e no máximo 11 meses;
  • O trabalhador receberá 4 parcelas fixas caso comprovado o vínculo empregatício de no mínimo 12 e no máximo 23 meses;
  • O trabalhador receberá 4 parcelas fixas caso comprovado o vínculo empregatício de no mínimo dois anos, ou seja, 24 meses completos.

Valor do benefício

Foi atualizada recentemente a tabela que fornece o valor seguro desemprego 2020, onde varia era entre R$880,00 e R$1.542,24, importante citar que o valor nunca pode ser menor que o valor do salário mínimo recorrente. Confira logo a seguir os valores e as situações onde os mesmos se enquadram:

  • Para os que recebem salários fixos de até R$1222, o valor da parcela será o do salário mínimo x 0.8;
  • Para os que recebem salários fixos de R$1222 a até R$2038, o valor da parcela será de R$978 + o que exceder a multiplicação de 1.222 por 0.5;
  • Para os que recebem salários fixos acima de R$2038 o valor da parcela será de R$1385.

E agora que você já conhece tudo sobre o benefício, como ele funciona e como realizar o agendamento seguro desemprego pela internet através do site do MTE (mesmo portal do Mais Empregos), não hesite em ir atrás dos seus direitos como trabalhador. Caso ainda possua dúvidas, deixe seu comentário logo abaixo e ajudaremos assim que possível!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *