Brasil Top 5 destinos para o inverno

Junho, julho, agosto. O friozinho no Brasil não dura muito. Mas é tempo suficiente para curtir um fondue, aproveitar vinhos e queijos, e sair às ruas com cachecóis e botas.

Para quem não se animou com o nosso roteiro neve, preparamos essas dicas com cinco sugestões para um final de semana ou férias de inverno!

Campos do Jordão

Destino já tradicional, especialmente para os paulistanos, localizado na Serra da Mantiqueira, os turistas que escolhem a cidade têm como opções parques, grutas e passeios de trem. O Palácio do Governo, o Auditório Claudio Santoro e o Horto Florestal são algumas das principais atrações da cidade.

Os amantes da música erudita podem participar do Festival de Inverno, que está em sua 43ª edição e tem programação durante quase todo o mês de julho. Já para os aventureiros, A Pedra do Baú, que fica no município vizinho de São Bento do Sapucaí, é o espaço certo para apreciar a beleza natural e também para praticar esportes como caminhada, asa delta e mountain bike.

Serra Fluminense

Os tradicionais destinos cariocas Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo guardam a história brasileira em seu relevo montanhoso. Junto com o friozinho, você pode conhecer histórias de um Brasil que tinha príncipes e outros nobres. O Palácio Quitandinha é um exemplo disso e fica localizado no Centro Histórico de Petropólis, que tem outros atrativos como Catedral São Pedro de Alcântara, Avenida Koeler, Palácio de Cristal, Museu Imperial, Casa da Ipiranga e Relógio de Flores.

Visconde de Mauá é outra cidade do estado do Rio de Janeiro que atrai turistas no inverno para aproveitar seus picos, chalés e cachoeiras. A região é composta por três vilas.

Em Minas: Monte Verde e Lavras Novas

Monte Verde, no sul de MG, é conhecida como a Suíça Mineira. O município foi premiado em 2008 e 2009 como melhor destino de inverno do Brasil e como cidade mais romântica, segundo o site Viajeaqui e pelo Guia Quatro Rodas da Editora Abril. A praça típica mineira com seu coreto e igreja é o ponto de partida para a Rua da Mantiqueira, o Chapéu do Bispo, o Pico do Selado, a Avenida das Montanhas e as pedras Partida e Redonda.

Mais pertinho de Belo Horizonte, Lavras Novas tem serras, mirantes, cachoeiras, parques, represa, artesanato e esporte.

Festivais de Inverno animam várias cidades mineiras como as históricas Diamantina e Ouro Preto.

Curitiba

Na capital mais gelada do Brasil, o friozinho vai além do inverno. Em abril, os termômetros já começam a baixar e os cachecóis e botas estão nas ruas até outubro. A cidade paranaense é um pólo gastronômico e tem delícias de todos os cantos europeus como Polônia, Itália, Alemanha e Ucrânia. Tudo isso em uma cidade bem cuidada, cheia de parques e bosques.

Santa Catarina e Rio Grande de Sul

Quem vai rumo à Região Sul, pode até esperar por neve sem sair do Brasil. O gelo, a geada e a paisagem branquinha são os principais atrativos de São Joaquim (SC), que conta também com uma riqueza cultural muito grande, devido à diversidade dos povos que participaram de sua ocupação.

Ainda na serra catarinense, Urubici (SC) combina canyons, florestas e montanhas com aventura: é possível fazer descida de rapel, tirolesa, canoagem, cavalgadas e caminhadas por trilhas com variados graus de dificuldades.

Já no Rio Grande do Sul, as tradicionais Gramado e Canela são um complexo turístico preparado para receber de crianças a adultos. Aldeia do Papai Noel, Mundo a Vapor, Mini Mundo, Catedral de Pedra, Parque do Caracol e Lago Negro são alguns dos atrativos da região que também tem vinhos, queijos e muito chocolate.

Agora é só reunir a família ou arrumar uma boa companhia para desfrutar dessas programações.

Post criado 2

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo